Imposto de Renda 2021: saiba o que fazer se perdeu o prazo de envio

Quem perdeu o prazo para enviar a declaração de Imposto de Renda tem que pagar multa a partir de R$ 165. E, mesmo assim, ainda precisa prestar contas ao leão, como explica o secretário especial da Receita Federal, José Tostes. Se essa pessoa tiver imposto a pagar, a primeira cota venceu nessa segunda (31). Então, ela vai ter mais uma multa, de 0,33% ao dia, sobre a cota não paga.

No começo da noite dessa segunda-feira (31), quando faltavam menos de seis horas para o fim do prazo, a equipe responsável pelo sistema do Imposto de Renda fez um balanço.

Este ano, o prazo para prestar contas ao leão, que costuma ser de dois meses, foi ampliado para três, por causa das dificuldades impostas pela pandemia de covid-19. Inicialmente, a expectativa era receber cerca de 32 milhões de declarações, mas ela foi superada e passou de 34 milhões. Dessas, mais de 3 milhões foram transmitidas nessa segunda-feira (31). Este ano, a declaração foi obrigatória para quem recebeu a partir de R$ 28.559 de 1 de janeiro a 31 de dezembro do ano passado.

O auditor fiscal responsável pelo Imposto de Renda, José Carlos Fonseca, detalha que o número de documentos enviados aumentou devido ao grande volume de declarações retificadoras. São aquelas de pessoas que enviam a primeira versão incompleta e depois alteram.

Mesmo com essa prorrogação, o cronograma de restituições foi mantido. O primeiro lote foi liberado nessa segunda (31). O segundo será no dia 30 de junho; o terceiro, em 30 de julho; o quarto lote sai no dia 31 de agosto e o último lote de restituições do Imposto de Renda está previsto para ser pago no dia 30 de setembro.

Fonte: Rádio Agência Nacional