Ladrões fingem ser especialistas para testar pacientes com COVID-19 em São Paulo

Por Romano Zanlorenzi

Na última quarta-feira (18), o hospital de São Paulo, Albert Einstein emitiu um recado sobre um novo golpe que está sendo utilizado por ladrões. Segundo o anúncio, os bandidos divulgaram um telefone falso para exames residenciais contra o coronavírus. A abordagem e o agendamento são realizados por WhatsApp, e quando chegam na residência anunciam o assalto.

Em nota o hospital avisou que caso seja agendado o “Einstein Até Você” para que seja conferido a identificação de seus funcionários e ainda informou que, o hospital não faz mais agendamentos via aplicativo.

Fonte: Banda B e MSN

Foto: Kiko Ferrite / VEJA SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *